Rede dos Conselhos de Medicina
Selecione o Conselho que deseja acessar:


Porto Alegre, 23 de Abril de 2017. Aumenta a Fonte [ A + ]   [ A - ]  
 

Mais qualidade no Mais Médicos

O ano de 2017 começa marcado por notícias ruins, com o desemprego aumentando, a economia fragilizada, políticos em descrédito, a segurança pública abalada. Enfim, nenhuma novidade em relação ao ano que recém findou.

Há, porém, um clarão em meio ao quadro escuro que nos assombra: o programa Mais Médicos passa por uma correção de rumo mais do que necessária. O governo federal está estimulando os médicos com CRM – ou seja, inscrição nos Conselhos Regionais de Medicina do País, conforme determina a legislação – a participarem do programa.

Para espanto daqueles que defendiam a importação de profissionais do exterior – a um custo elevadíssimo –, em especial aqueles intermediados pela Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS), a adesão de médicos brasileiros superou as expectativas. Mais que isso, provou que o médico brasileiro trabalha em qualquer lugar, desde que lhe sejam oferecidas condições de trabalho e valorização profissional.

No último edital do Mais Médicos, 99% das 1.390 vagas disponibilizadas ficaram com médicos formados em nossas faculdades de Medicina. O projeto do governo é substituir gradativamente os intercambistas. A meta é substituir quatro mil profissionais do exterior por médicos brasileiros em três anos, reduzindo de 11,4 mil para 7,4 mil a participação de cubanos. O resultado, sem dúvida, será maior qualidade no atendimento, além de economia para os cofres públicos.

O ministro da Saúde diz que são os primeiros passos para uma mudança de perfil do programa. Percebo nesse projeto que estamos diante de um embrião para implantação de uma carreira de Estado para os médicos – a exemplo da que existe no Judiciário –, uma bandeira que o Cremers sempre empunhou.

É claro que a Saúde precisa muito mais do que essa mudança no Mais Médicos. É urgente a aplicação de mais recursos para financiar adequadamente o Sistema Único de Saúde. Não adianta erguer prédios para abrigar UPAs ou distribuir ambulâncias. A maioria dos municípios e dos Estados não tem condições de manter essas unidades em funcionamento. O problema é que muitas delas já foram construídas e até inauguradas, mas permanecem de portas fechadas, o que é inaceitável sob todos os aspectos.

Igualmente preocupante é o que nos foi relatado pelos 28 delegados seccionais do Cremers no encontro realizado recentemente, quando foi traçado um panorama da situação da saúde no Interior. São hospitais à beira da falência, leitos fechados, demissões, remuneração atrasada de médicos, funcionários e demais prestadores de serviço, entre outras dificuldades que acabam repercutindo na qualidade da assistência.

Em Porto Alegre não é diferente. As emergências seguem em permanente superlotação, o que já nem impacta como em outros tempos a ponto de merecer destaque na mídia. O fato é que essa situação afeta tanto os pacientes como sobrecarrega os médicos, que na luta para atenuar sofrimentos e salvar vidas não conseguem dar a cada enfermo o tempo necessário e a atenção devida.

No entanto, sobram-lhes esforço, dedicação e perseverança, qualidades que também não nos irão faltar na luta para dignificar a assistência e valorizar o trabalho médico. Mais do que nunca, estaremos vigilantes e proativos, atuando sempre dentro das prerrogativas inerentes aos Conselhos de Medicina e defendendo acima de tudo o exercício ético da Medicina.


Dr. Fernando Weber Matos
Presidente do Cremers
Clique aqui para enviar sua mensagem, sugestão ou crítica diretamente para o Presidente

Institucional Câmaras Técnicas Comissões de Ética Conheça o CREMERS Contas Públicas Delegacias Diretoria Palavra do Presidente Vídeo Institucional História Cremers

Serviços Área do Médico Busca Empresas Busca Médicos Ativos CBHPM Concurso Emissão de Boleto Empregos Eventos Inscrição de Empresas Inscrição Médicos Licitações Pareceres e Resoluções Perguntas Freqüentes Pessoa Jurídica Propaganda Médica Registro de Especialidade Médica

 

 

Imprensa Artigos Assessoria Informativo Cremers Notícias Twitter

Publicações Apresentações para Download Biblioteca Código de Ética Médica Código PEP Regimento Interno dos Corpos Clínicos

 

Contato Fale com o CREMERS Fale com o Presidente Ouvidoria

 

 

 

Conselho Regional de Medicina do Estado do Rio Grande do Sul - Copyright 2017 ©
Av. Princesa Isabel, 921 - Bairro Santana
Porto Alegre - RS - CEP: 90620-001
Telefone: (51) 3219-7544
Fax: (51) 3217-1968
E-mail: cremers@cremers.org.br
Horário de Atendimento:
De segunda-feira a sexta-feira
Das 09h15min às 18h30min